Aviso Importante: INSS Realiza Pente Fino e Beneficiários Correm Risco de Perder benefício – Descubra Como se Proteger!

Péssima notícia para os beneficiários do INSS! Instituto pode excluir da lista de beneficiários mais de 4 milhões. Entenda como evitar.

0

Uma assustadora notícia atinge mais de 4 milhões de aposentados e pensionistas: o INSS está cortando benefícios por falta de comprovação de vida. Em uma operação conhecida como “pente fino do INSS de 2024”, o Instituto Nacional do Seguro Social começou a notificar os beneficiários, exigindo que demonstrem sua existência.

Desde que a regra mudou em 2022, não é mais responsabilidade do beneficiário provar sua existência. Agora, cabe ao INSS realizar essa verificação, utilizando dados de órgãos públicos e privados, como bancos, cartórios e unidades de saúde, em um processo minucioso de cruzamento de informações para comprovação da Prova de Vida do INSS. Assim, confira a seguir como evitar o pente fino e manter seus pagamentos.

Alerta Urgente: INSS Exige Prova de Vida após Pente Fino de 2024

Novo pente fino do INSS promete remover milhões de beneficiários que não realizarem a prova de vida em 2024.
Novo pente fino do INSS promete remover milhões de beneficiários que não realizarem a prova de vida em 2024. (Fonte: Edição / Jornal JF)

As exigências do INSS para comprovação de vida estão cada vez mais simples. No pente fino do INSS 2024, por exemplo, os aposentados e pensionistas precisam realizar a prova de vida para evitar cortes em seus benefícios.

Dentre as formas de comprovação, estão incluídas:

Leia mais: Vida Plena na Terceira Idade: João Financeira revela os segredos na ‘Jornada da Riqueza’

  • Tomou vacina na rede pública;
  • Acessou o aplicativo meu INSS com o cadastro nível ouro no site gov.br;
  • Contratou empréstimo consignado com uso de biometria;
  • Ou até se recebeu atendimento pelo SUS. Encontre outras formas de comprovação em nosso blog.

O cenário é alarmante: no último ano, mais de 4 milhões de pessoas não foram encontradas em nenhuma base de dados. Esses aposentados, pensionistas e beneficiários de auxílios de longa duração estão sendo alertados por meio de comunicações do banco, do aplicativo Meu INSS e até mesmo por chamadas do número 135.

CLIQUE AQUI e receba as PRINCIPAIS NOTÍCIAS do Jornal JF pelo WhatsApp

Presidente do INSS se manifesta:

O presidente do INSS, Alessandro Stefanutto, afirma que o telefone é seguro, mas alerta:

“Primeiro, o INSS não pede dinheiro para ninguém. Todos serviços são gratuitos. Segundo, ele não vai pedir os seus dados bancários, a sua senha em especial. Se você desconfiar quando ligam do 135 para você, que você tem alguma dúvida, desliga e liga no 135. Aí você vai estar em um canal seguro e diga: ‘Olha, me ligaram dizendo que eu tenho que fazer prova de vida, etc.’. E o 135 vai daí poder organizar e passar a pessoa para ser atendida corretamente.”

Ele alertou que os beneficiários não devem entrar em pânico e que os pagamentos continuarão caindo em conta regularmente. Ninguém precisa se desesperar para comprovar sua existência. Há opções simples, como movimentar a conta bancária, obter extrato do benefício ou realizar a prova de vida através do aplicativo Meu INSS, por exemplo.

Leia mais: Viva com Segurança: 7 Dicas Essenciais Contra Quedas!

“Se não fizer ato algum, não tem problema, nós vamos expedir o que a gente chama de pesquisa externa e mandar os os nossos servidores irem até as pessoas. A dinâmica é humanizar o atendimento e, para a gente humanizar, tem que estar no centro do pensamento do atendimento não impor aos brasileiros mais burocracia. Então, primeiro, ela não vai ter o benefício suspenso, só quando nós temos a certeza que a pessoa realmente já está morta, realmente não tem mais condição da manutenção do benefício, nós vamos suspender com essa convicção”, acrescenta Stefanutto.

Após esgotadas todas as alternativas, o INSS enviará uma notificação por meio do banco, aplicativo, ou até mesmo por visita física, utilizando o número 135. A partir desse momento, inicia-se uma contagem regressiva de 60 dias. Se o segurado não conseguir provar que está vivo, seu benefício será SUSPENSO.

Leia mais: SAQUE EXTRA LIBERADO PELA CAIXA! R$6.220 NA CONTA – Veja quem tem direito

Veja Também:

PROVA de VIDA INSS 2024 – LISTA de quem PRECISA FAZER AGORA em JANEIRO de 2024 (Fonte: João Financeira TV)

Dica bônus:

Receba nossas informações diariamente de forma gratuita, nos seguindo em nossas redes sociais:

CLIQUE E CONHEÇA NOSSA PÁGINA NO INSTAGRAM!

CLIQUE E CONHEÇA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK!

Dica extra: Tenha todas as informações de forma rápida e sem precisar ler as notícias: Clique aqui, se inscreva em nosso canal do Youtube e assista.