INSS convoca mais de 4 milhões de pessoas para fazer Prova de Vida em Fevereiro – Não perca o prazo!

Notificações do INSS foram enviadas a mais de três milhões de segurados que ainda não realizaram a obrigatória prova de vida.

0

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) reforça seu compromisso com a regularidade dos benefícios para aposentados e pensionistas. Notificações foram enviadas a mais de três milhões de segurados que ainda não realizaram a obrigatória prova de vida.

Esta ação parte de um esforço para atualizar os registros cadastrais. Assim, o órgão está convocando estes segurados a fazerem a prova de vida! Entenda melhor com o texto a seguir!

Procedimentos Cruciais para Manter Benefícios Ativos

Um total de 4.351.557 cidadãos foram convocados, sendo 1,2 milhão notificados. Todos os segurados contactados nasceram entre janeiro e março, com a exigência clara de comprovar a existência (prova de vida) para manter a continuidade dos benefícios.

Leia mais: Regras De Aposentadoria Do INSS: Veja Então O Que Muda Em 2024

Opções Variadas para Fazer a Prova de Vida do INSS em 2024

INSS convoca mais de 4 milhões de pessoas para fazer Prova de Vida em Fevereiro - Não perca o prazo!
INSS convoca mais de 4 milhões de pessoas para fazer Prova de Vida em Fevereiro – Não perca o prazo! (Fonte: Edição / Jornal JF).

Desde 2020, os segurados têm a opção de realizar a prova de vida por biometria facial via aplicativo Meu INSS.

Essa inovação, implementada a partir de 2023, faz parte do recenseamento baseado no cruzamento de dados dos cadastros governamentais, suspendendo a necessidade de prova de vida anual presencial.

O sistema de recenseamento baseia-se no cruzamento de informações dos cadastros do governo e parceiros. Ações registradas, como vacinações, são indicativos de vida para o INSS. O total de ações ao longo do ano nas bases de dados parceiras assegura a continuidade do benefício.

Leia mais: INSS ALERTA: Golpe Da Prova De Vida Online Continua A Acontecer Com Segurados

Para os convocados, é imperativo agir imediatamente. A prova de vida pode vir realizada no INSS, na agência bancária ou via aplicativo e site Meu INSS. O não cumprimento nos próximos 60 dias após a notificação pode resultar no bloqueio do pagamento.

O INSS oferece alternativas, incluindo o acesso ao aplicativo Meu INSS, atendimento em Agência da Previdência Social, recebimento de pagamento com biometria, empréstimo consignado com biometria e atualizações no Cadastro Único (CadÚnico). Podem realizar a prova de vida presencialmente em agências bancárias ou unidades do INSS.

Bloqueio do Benefício por falta da Prova de Vida do INSS em 2024: Como Evitar

O INSS esclarece que o benefício sofrerá bloqueio se a prova de vida não vir realizada nos 60 dias estipulados. O endereço cadastrado insuficiente também pode levar ao bloqueio.

CLIQUE AQUI e receba as PRINCIPAIS NOTÍCIAS pelo WhatsApp

Em casos de bloqueio, a pessoa é notificada, e o benefício é bloqueado por 30 dias, durante os quais a prova de vida pode ser realizada no banco ou presencialmente no INSS.

Se, após o bloqueio temporário, o beneficiário não comparecer nos 30 dias seguintes, o benefício será suspenso. Após seis meses de suspensão, o pagamento será cessado.

Leia mais: INSS: Precatórios Liberados; Veja Então Como Funciona O Recebimento Dos Valores

A prova de vida é crucial para garantir a regularidade dos benefícios do INSS. A convocação em massa visa atualizar registros, e as opções online demonstram o compromisso do INSS em oferecer alternativas acessíveis.

Vale ressaltar a importância dos segurados atenderem às notificações, evitando bloqueios e suspensões que afetam sua segurança financeira.

Veja Também:

SAIU AGORA INSS: ADIANTAMENTO para APOSENTADOS e PENSIONISTAS 13 SALÁRIO ADIANTADO + 2 SURPRESAS (Fonte: Edição / Jornal JF).

Dica bônus:

Receba nossas informações diariamente de forma gratuita, nos seguindo em nossas redes sociais:

CLIQUE E CONHEÇA NOSSA PÁGINA NO INSTAGRAM!

CLIQUE E CONHEÇA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK!

Dica extraTenha todas as informações de forma rápida e sem precisar ler as notícias. Então clique aqui, se inscreva em nosso canal do Youtube e assista.