Empréstimo consignado do INSS pode liberar mais de R$ 18.000 para este grupo – Saiba como

MUDANÇAS NO empréstimo consignado! Veja agora

0

ÓTIMAS NOTÍCIAS! Houve uma redução na taxa de juros do empréstimo consignado para beneficiários do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS)!

Confira a seguir todas as informações a respeito do tema, como os novos valores, razões da diminuição entre outras!

Como está o empréstimo consignado do INSS em 2023?

Empréstimo consignado do INSS pode liberar mais de R$ 18.000 para este grupo - Saiba como
Empréstimo consignado do INSS pode liberar mais de R$ 18.000 para este grupo – Saiba como (Fonte: Edição / Notícias de última hora).

Nesta segunda-feira, dia 16, o Ministério da Previdência Social divulgou a Resolução 1.359, que orienta o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) a reduzir as taxas de juros aplicadas aos empréstimos consignados concedidos aos seus beneficiários.

Leia mais: EXCLUSIVO: Abono Extra do INSS em 2023 – Você está incluído? Descubra agora!

Quais os valores disponíveis e dos juros do empréstimo consignado do INSS em 2023?

As operações de empréstimo convencionais, com desconto em folha, terão agora uma taxa máxima de 1,84% ao mês, em comparação com a taxa anterior de 1,91%.

No caso de transações realizadas por meio de cartão de crédito e cartão consignado de benefício, o limite passará a ser de 2,73% ao mês, em comparação com a taxa anterior de 2,83%.

Leia mais: INSS Libera Salário em Dobro para Acelerar Aposentadorias: Entenda como Funciona!

A redução das taxas de juros para os segurados do INSS também abrangerá os titulares do Benefício de Prestação Continuada (BPC/Loas), que inclui idosos a partir de 65 anos em situação de carência e pessoas com deficiência de baixa renda, que recebem um salário mínimo por mês (R$ 1.320).

No caso do beneficiário que recebe R$ 1320 e utiliza toda a margem permitida para o empréstimo consignado, isso poderia liberar um valor de até R$ 18.571,24.

Já no caso do cartão de crédito consignado, uma margem de 5% poderia liberar um valor aproximado de R$ 1334 para saque.

CLIQUE AQUI e receba as PRINCIPAIS NOTÍCIA de Última Hora pelo WhatsApp

Por que houve diminuição na taxa de juros do consignado?

Essa publicação no Diário Oficial da União formaliza uma decisão do Conselho Nacional de Previdência Social (CNPS) tomada na semana anterior.

O CNPS optou por seguir o corte na Taxa Selic, a taxa básica de juros da economia, que foi reduzida de 13,25% para 12,75% ao ano pelo Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central (BC). A resolução do CNPS entrará em vigor em cinco dias.

Há problemas na redução da taxa de juros do empréstimo consignado?

A redução das taxas de juros do consignado do INSS não foi bem recebida pela Federação Brasileira dos Bancos (Febrabran).

A Febraban argumentou que houve uma queda substancial na oferta de empréstimos consignados para aposentados e pensionistas, apesar dos cortes anteriores nas taxas de juros dessa modalidade.

Leia mais: 14º Salário para Aposentados em 2023: Governo Federal Posterga Decisão

A entidade criticou o que chamou de “diminuição artificial e arbitrária” do limite de juros, alegando que a decisão do CNPS não considerou critérios técnicos e a estrutura de custos.

A Febraban ressaltou o esforço da equipe econômica do governo em melhorar o ambiente de crédito, como a aprovação do Marco de Garantias e a implementação do Programa Desenrola, mas expressou preocupação com o impacto negativo da redução das taxas de juros nos empréstimos consignados do INSS.

De acordo com dados divulgados pela Febraban, houve uma queda significativa no volume de concessão de empréstimos consignados entre maio e agosto de 2022 e o mesmo período de 2023, passando de R$ 29,3 bilhões para R$ 21,2 bilhões.

Veja Também:

SAIU AGORA: VEJA AGORA Quem tem DIREITO ao ABONO EXTRA do INSS 2023? VEJA DATAS e quem RECEBE (Fonte: João Financeira TV)

Dica bônus:

Receba nossas informações diariamente de forma gratuita, nos seguindo em nossas redes sociais:

CLIQUE E CONHEÇA NOSSA PÁGINA NO INSTAGRAM!

CLIQUE E CONHEÇA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK!

Dica extraTenha todas as informações de forma rápida e sem precisar ler as notícias: Clique aqui, se inscreva em nosso canal do Youtube e assista.