Empréstimo para quem tem score baixo – Confira as opções

Conheça opções de empréstimo para quem tem score baixo! Confira e ainda veja dicas para melhorar a sua pontuação.

0

Quem possui baixo score sabe como é difícil conseguir realizar um empréstimo pessoal, financiamento, ou até mesmo fazer um cartão de crédito. Acontece que, com uma pontuação ruim, o consumidor apresenta alto risco de inadimplência, ou seja, de não pagar as parcelas ou fatura em dia.

Quem determina se a sua pontuação é boa ou não, são órgãos de proteção ao crédito como o Serasa, que observa a sua relação com o pagamento de contas para determinar se você é um bom pagante ou não, através de uma pontuação que varia de 0 a 1000.

A seguir, entenda mais detalhes de como é importante o seu score junto ao Serasa, e como você pode obter um bom empréstimo mesmo com um score ruim.

Pontuação Serasa

Primeiramente, é preciso entender como o Serasa funciona. A empresa opera com uma pontuação de crédito que vai de 0 a 1000. Quanto maior a pontuação, maior a probabilidade de conseguir acesso a crédito no mercado. 

Leia mais: SAIU LISTA DO INSS: Pagamento Extra de R$19.465,00 Será Realizado em Maio – Veja os Detalhes!

Pessoas com score entre 0 e 300 indicam maior possibilidade de inadimplência, e possuem poucas oportunidades de obter crédito. Agora, aqueles com score entre 301 e 500 aponta um considerável risco de não pagar as parcelas em dia, sendo assim, sua possibilidade de conseguir crédito no mercado é igualmente baixa. 

Já aqueles com a pontuação entre 501 e 700, apresentam baixa possibilidade de inadimplência, portanto, tem chances de conseguir crédito. Temos, por fim, os com score entre 701 e 1.000 que demonstram pouquíssimo risco de atraso no pagamento e conta com grandes chances de aprovação.

CLIQUE AQUI e receba as nossas PRINCIPAIS NOTÍCIAS pelo WhatsApp

Empréstimo para score baixo

Confira as opções de empréstimo para quem tem score baixo.
Confira as opções de empréstimo para quem tem score baixo. (Fonte: Notícias de Última Hora)

Nem todas as opções de empréstimo pessoal demandam a necessidade de realizar análise financeira antes de liberar o dinheiro. Há modalidades que podem ser buscadas inclusive por pessoas negativadas ou com baixíssimo score. Confira três a seguir.

Leia mais: BPC LOAS recebe salário antecipado em dobro – Veja agora

  • Empréstimo FGTS: a antecipação do saque aniversário do FGTS é uma modalidade de empréstimo solicitada por quem aderiu à modalidade. É preciso lembrar que, quem opta por esse modelo, não tem direito ao saque-rescisão, que permite o saque do Fundo de Garantia em caso de demissão.
  • Empréstimo consignado: O empréstimo consignado é outra modalidade com fácil chance de aprovação. Nesse, o valor das parcelas é descontado direto na folha de pagamento ou do benefício pago pela previdência. Porém, ele é voltado exclusivamente a servidores públicos, militares e segurados do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social).
  • Empréstimo com garantia: Essa modalidade de empréstimo pode envolver como garantia algum bem, imóvel, veículo e até celular. Dessa forma, assim como no consignado, o banco tem a garantia que receberá o valor de volta, e o cliente consegue o empréstimo mesmo não tendo um score muito alto.

Como aumentar o score

Caso nenhuma das linhas acima interesse você, também é possível adotar medidas para melhorar o seu score de forma mais rápida e ter acesso a um empréstimo pessoal. Confira a seguir:

Leia mais: SAIU LISTA DO INSS: Pagamento Extra de R$19.465,00 Será Realizado em Maio – Veja os Detalhes!

  • Renegocie dívidas: O nome negativado é uma das principais causas que prejudicam a pontuação. Estar inadimplente faz com que o mercado reduza o nível de confiança no consumidor. Por isso é importante renegociar as dívidas e resolver as pendências financeiras relativas ao CPF, como cheques sem fundo e ações judiciais.
  • Pague as contas em dia: O índice de maio peso para o cálculo do Serasa Score está relacionado ao Cadastro Positivo, que armazena o histórico de pagamentos de faturas como cartão de crédito, parcelamentos, empréstimos e serviços de consumo (água, energia, telefonia etc.).
  • Peça crédito com cautela: sempre que o cidadão realiza um pedido de empréstimo, parcelamento ou financiamento, a consulta feita pelas empresas ao CPF fica registrada. Assim, o mercado pode entender que o excesso de pedidos demanda alguma urgência, e assim prejudicar momentaneamente a pontuação em até 60 pontos. O mais ideal é ter intervalos de pelo menos três meses entre um pedido e outro.

Veja Também: Nova lei libera empréstimo sem juros!

NOVA LEI APROVADA:LIBERA EMPRÉSTIMO SEM JUROS para APOSENTADOS AFETADOS + NOVA SUSPENSÃO CONSIGNADOS (Fonte: João Financeira TV)

Dica bônus

Receba nossas informações diariamente de forma gratuita, nos seguindo em nossas redes sociais:

CLIQUE E CONHEÇA NOSSA PÁGINA NO INSTAGRAM!

CLIQUE E CONHEÇA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK!

Dica extra: Tenha todas as informações de forma rápida e sem precisar ler as notícias: Clique aqui, se inscreva em nosso canal do Youtube e assista